as vezes no silencio da noite



  • Descaminhos - Simone ...
    Queria te encontrar nesse meu abandono E não ter que depois desapegar Te queria sem pressa, sem medo Na loucura de um dia qualquer Te tragar no silêncio da noite Nos teus braços me sentir...
    tragar no silêncio da noite Nos teus braços me sentir mulher Mas a falta de tempo é tamanha E essa ausência de mim te devora Me perdoe esse jeito cigano De partir sempre antes da hora...Me perdoa essa falta de tempo Que por vezes chega a me desesperar Esse meu desatino, nossos descaminhos E a vontade louca de ficar Me perdoa essa falta de sono Que por vezes chega a me desanimar...
  • Sozinho | Your body is a wonderland - Gustavo Fagundes ...
    Às vezes no silêncio da noite Eu fico imaginando nós dois Eu fico ali sonhando acordado Juntando o antes, o agora e o depois Por que você me deixa tão solto? Por que você não cola em mim? Tô...
    me sentindo muito sozinho Não sou nem quero ser o seu dono É que um carinho às vezes cai bem Eu tenho os meus desejos e planos secretos Só abro pra você, mais ninguém Por que você me esquece...
  • Sozinho - Caetano Veloso ...
    Às vezes no silêncio da noite Eu fico imaginando nós dois Eu fico ali sonhando acordado Juntando o antes, o agora e o depois Por que você me deixa tão solto? Por que você não cola em mim? Tô...
    me sentindo muito sozinho Não sou nem quero ser o seu dono É que um carinho às vezes cai bem Eu tenho os meus desejos e planos secretos Só abro pra você, mais ninguém Por que você me esquece...
  • Diga Sim - Paula Fernandes ...
    Choro pela madrugada Às vezes sou fada Às vezes faisca To ligada na tomada Numa noite mal dormida Se o teu amor for frágil e não resistir E essa mágoa então ficar eternamente aqui Estou de volta...
    Eu 'to' com saudade Da nossa amizade Do tempo em que a gente Amava se ver Eu não sou palavra Eu não sou poema Sou humana pequena A se arrepender Às vezes sou dia Às vezes sou nada Hoje lágrima caída... a imensidão de um mar Que feito de silêncio Se os teus olhos não refletem mais o nosso amor E a saudade me seguir pra sempre aonde eu for Fica claro que tentei lutar por esse sentimento Diga sim ouça...
  • Camila, Camila - Nenhum De Nós ...
    Depois da última noite de festa Chorando e esperando amanhecer, amanhecer As coisas aconteciam com alguma explicação Com alguma explicação Depois da última noite de chuva Chorando e esperando...
    amanhecer, amanhecer Às vezes peço a ele que vá embora Que vá embora...oh... Camila, Camila Eu que tenho medo até de suas mãos Mas o ódio cega e você não percebe Mas o ódio cega E eu que tenho medo até... do seu olhar Mas o ódio cega e você não percebe Mas o ódio cega A lembrança do silêncio daquelas tardes Daquelas tardes A vergonha do espelho naquelas marcas Naquelas marcas Havia algo de insano...
  • Quero Sim - Paula Fernandes ...
    caida Choro pela madrugada às vezes sou fada às vezes faisca to ligada na tomada Numa noite mal dormida Se o teu amor for frágil e não resistir E essa magoa então ficar eternamente aqui to de volta...
    dia às vezes sou nada Hoje lágrima caida Choro pela madrugada às vezes sou fada às vezes faisca tou ligada na tomada Numa noite mal dormida ... Eu tô com saudade Da nossa amizade Do tempo em que a gente Amava se ver Eu não sou palavra Eu não sou poema Sou humana pequena A se arrepender às ve

    Descaminhos - Simone ...
    Queria te encontrar nesse meu abandono E não ter que depois desapegar Te queria sem pressa, sem medo Na loucura de um dia qualquer Te tragar no silêncio da noite Nos teus braços me sentir...
    tragar no silêncio da noite Nos teus braços me sentir mulher Mas a falta de tempo é tamanha E essa ausência de mim te devora Me perdoe esse jeito cigano De partir sempre antes da hora...Me perdoa essa falta de tempo Que por vezes chega a me desesperar Esse meu desatino, nossos descaminhos E a vontade louca de ficar Me perdoa essa falta de sono Que por vezes chega a me desanimar...
    • Ver letra



    • Sozinho | Your body is a wonderland - Gustavo Fagundes ...
      Às vezes no silêncio da noite Eu fico imaginando nós dois Eu fico ali sonhando acordado Juntando o antes, o agora e o depois Por que você me deixa tão solto? Por que você não cola em mim? Tô...
      me sentindo muito sozinho Não sou nem quero ser o seu dono É que um carinho às vezes cai bem Eu tenho os meus desejos e planos secretos Só abro pra você, mais ninguém Por que você me esquece...
      • Ver letra



      • Sozinho - Caetano Veloso ...
        Às vezes no silêncio da noite Eu fico imaginando nós dois Eu fico ali sonhando acordado Juntando o antes, o agora e o depois Por que você me deixa tão solto? Por que você não cola em mim? Tô...
        me sentindo muito sozinho Não sou nem quero ser o seu dono É que um carinho às vezes cai bem Eu tenho os meus desejos e planos secretos Só abro pra você, mais ninguém Por que você me esquece...
        • Ver letra



        • Diga Sim - Paula Fernandes ...
          Choro pela madrugada Às vezes sou fada Às vezes faisca To ligada na tomada Numa noite mal dormida Se o teu amor for frágil e não resistir E essa mágoa então ficar eternamente aqui Estou de volta...
          Eu 'to' com saudade Da nossa amizade Do tempo em que a gente Amava se ver Eu não sou palavra Eu não sou poema Sou humana pequena A se arrepender Às vezes sou dia Às vezes sou nada Hoje lágrima caída... a imensidão de um mar Que feito de silêncio Se os teus olhos não refletem mais o nosso amor E a saudade me seguir pra sempre aonde eu for Fica claro que tentei lutar por esse sentimento Diga sim ouça...
          • Ver letra



          • Camila, Camila - Nenhum De Nós ...
            Depois da última noite de festa Chorando e esperando amanhecer, amanhecer As coisas aconteciam com alguma explicação Com alguma explicação Depois da última noite de chuva Chorando e esperando...
            amanhecer, amanhecer Às vezes peço a ele que vá embora Que vá embora...oh... Camila, Camila Eu que tenho medo até de suas mãos Mas o ódio cega e você não percebe Mas o ódio cega E eu que tenho medo até... do seu olhar Mas o ódio cega e você não percebe Mas o ódio cega A lembrança do silêncio daquelas tardes Daquelas tardes A vergonha do espelho naquelas marcas Naquelas marcas Havia algo de insano...
  • Mais Ouvidas



    » Ver Todos